AVISO AOS VISITANTES!

Bem vinda(o) aos PEQUENOS DELITOS RENOVADOS.
É um blog que mistura poesia e sacanagem (não nessa ordem). Suas contribuições (fotos, poemas, idéias) serão importantes para o blog. Sinta-se dono e ator principal desse blog.
A mais importante participação é sua visita. E claro, seus comentários...
Contate-me.... aguardo você no e-mail do blog: delitosdosexo@gmail.com

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

AMÁLIA E O POEMA DA CADEIRA

"O blogueiro apresentou-me a poesia relativa à cadeira, para esse post no PDR.
Adorei a idéia do poema e a criatividade do blogueiro. Achei-me linda...e acho que ficou lindo o post e, modéstia à parte, como não sou nenhuma jovenzinha, achei-me linda e muito bonita. Para chamar a atenção da leitora e do leitor, o blogueiro apresenta minha primeira foto, depois o poema...   As outras fotos vêem depois. A opinião de vocês eu aguardo."  Amália


"Sento-me na cadeira e olho para o chão: 
mesmo à minha beira abre-se o vulcão
onde o fogo assume sua condição 
de rubro negrume sem limitação.


Memória Indescritível de Pedro Tamen publicado por GÓTICA, Lisboa, 2000 in


15 comentários:

  1. Delicioso! O poema condiz muito bem com você e seu ensaio da cadeira! Criatividade e sensualidade combinadas pra abrir a imaginação (e tesão) de todos nós! Meus parabéns pela ousadia!

    Eu só gostaria de me sentar e botar você pra cavalgar meu mastro até gozar e encharcar minha pelve com gozo feminino enquanto mamo esses peitinhos gostosos durinhos e bem-bronzeadinhos e penso também na maciez tesuda dos teus lindos pezinhos descalços (cobiçando um belo footjob deles)!

    Beijocas e cavalgadas,
    Vinícius Podólatra

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Vinícius. Acompanho o blog quase todos os dias. Seus comentários são deliciosos. Adoraria provar você. Cavalgar você ou de quatro. A escolha é tua. Veja que não sou nenhuma ninfeta, e sim uma mulher madura que sabe trepar gostoso. Muito gostoso. E considero-me uma fêmea muito melhor que muita guria por ai.
    Obrigada pela doçura do comentário. Nunca ninguém gozou no meu pé.....

    ResponderExcluir
  3. Qué hermosura... y esas marcas blancas ufffffff

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gúde. Sou filha de portugueses e tenho irmão que morou muito tempo em Valência. Estive lá uma vez. País lindo e irmão. Obrigada. Na verdade, esta é a área de piscina de minha casa.
      Beijos

      Excluir
  4. William Pauzudo e Grosso28 de janeiro de 2014 11:39

    Imagino-me nessa cadeira, com essa mulher sentada no meu pau. Que delícia de fêmea. Acho que a Amália deve ter em torno de 37 anos - 40 anos. E que bota muita garotinha no chinelo.
    Fêmea completa, com tudo em cima e em baixo.
    Delícia de bunda. Uma buceta espetacular.
    Visão do paraíso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pauzudo e Grosso.... que combinação deliciosa. Obrigada pelos elogios. Tenho 42 anos. Recebo esse erro seu como um grande elogio. Beijocas nessa pauzão seu!

      Excluir
  5. A racha dessa mulher é qualquer coisa de linda. Com todo o respeito, uma racha divina. Algo para se lamber por toda a eternidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade Sinval, a última foto antecedeu uma lambida bem deliciosa do homem que me tirou essas fotos...
      A coisa que mais gosto é ser lambida de quatro, com a língua esbarrando no meu cuzinho....eu nem fico úmida. Eu chovo!

      Excluir
    2. Amália.... parabéns por tua beleza. Eu já antevia o resultado.
      Essa revelação "A coisa que mais gosto é ser lambida de quatro, com a língua esbarrando no meu cuzinho....eu nem fico úmida. Eu chovo!" é de um neologismo muito legal.. "Eu chovo".
      Nada mais a dizer...

      Excluir
  6. Como diz o poema "...abre-se o Vulcão",e que delicia de vulcão deve ser quando se abre,excelentes fotos,de uma mulher que me deixou mesmo em brasa...como um vulcão :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Bom, vamos lá a ver:

    1º ponto: As unhas, tratadas, longas e vermelhas, lindas, sinal de que a mulher se valoriza a si própria e está sempre pronta a arranhar (e quer!...);
    2º ponto: A pele lisa, uniforme e sem marcas ou manchas (excepto o bronze natural), denota suavidade e saúde;
    3º ponto: Toda a limpeza que o teu corpo aparenta nas fotos é um convite para chegar mais perto e...roçar e esfregar;
    4º ponto: Os bicos das mamas (bem gostosas) já entesados...

    Agora, quando te pões em posição e se vê esses quadris, esse lombo, esse cú tão redondo e tão bem proporcionado...

    Tu tens um vulcão mas eu tenho o fogo e estou ao rubro: monto-me em cima de ti e dou-te umas boas estocadas, a cadeira geme por todos os lados... tu gostas de senti-lo lá dentro (eu tenho praticamente a mesma idade que tu e, como se vê pelo texto, falo português de Portugal e digo-te, enquanto te como, que és uma cabrita gostosa) e eu não me aguento e alivio-me
    à tua conta, enquanto tu ainda empinavas o cú mais para cima de mim, para seres fodida ainda mais fundo...

    Que nunca te falte o pau - Beijos nessas mamas, nessas pernas e nesse cú!

    A.P.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A.P.
      Como eu não iria perceber que tens o português de Portugal??? Falei para o Gandalf que sou filha de portugueses. Alfacinhas, se sabes lá o que é isso.... E por que achas que minha alcunha é Amália? Cresci ouvindo fados e violas portuguesas entre portugueses aqui em SP.
      E envaideci-me veramente pelos elogios à minha pessoa. És um português muito fogoso Aiii Jesus!!!
      Beijos

      Excluir
  8. Meu caro A.P.
    Isso não é comentário.... isso é uma obra de arte de observação artística. Por acaso, o bom amigo e leitor-visitante (que me honra muito!) é um crítico de arte? Mas cá para nós, essa fêmea é muito gostosa. E modéstia à parte, eu achei que ficou um lindo post. E quanto à posição da nossa modelo, é uma posição para se foder até morrer.
    Eu já percebi que 'falas Português de Portugal"! O poema aqui colocado eu retirei de um poeta português. Terra maravilhosa de excelentes poetas....
    Volte sempre ó gajo!!!!

    ResponderExcluir
  9. Falaste em Vulcão no poema?
    Estavas a chamar-me? :)
    Pois essa morena fazia muito bem eu entrar em erupção!!!

    Beijo nela e abraço em ti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro amigo d´além-mar...
      Viu que ela chamou-te??
      O poema é de um poeta português, muito maravilhoso.
      Assim como é maravilhosa tua visita!!!
      Abraço em ti!

      Excluir

Delito maior é não comentar aqui!!