AVISO AOS VISITANTES!

Bem vinda(o) aos PEQUENOS DELITOS RENOVADOS.
É um blog que mistura poesia e sacanagem (não nessa ordem). Suas contribuições (fotos, poemas, idéias) serão importantes para o blog. Sinta-se dono e ator principal desse blog.
A mais importante participação é sua visita. E claro, seus comentários...
Contate-me.... aguardo você no e-mail do blog: delitosdosexo@gmail.com

domingo, 27 de julho de 2014

DELITO DOMINICAL: UMA POETA NOS VISITA

Algumas poetas são especiais... tanto pelo que escrevem, pelo que representam para a gente....
Uma poeta traduz sua essência, em poucas palavras, como um pintor de aquarela que expressa sua arte em rápidas pinceladas.... Bem, estou falando da poeta Nádia Santos.. visite um dos blogs dela clicando aqui
Ela nos brinda com essa história. Quente. Sensual. Maliciosa na medida exata. Uma obra de arte:

LOUCA PAIXÃO
Ela estava apaixonada, envolvida, fascinada por aquele homem. Ele conseguia mexer com todos os seus sentidos e pensar nele era sentir no corpo um vulcão explodir... 
Por vezes fechava os olhos e o imaginava tocando seu corpo e com suas mãos ela acariciava os seios, o ventre e sentia toda umidade quando tocava a sua flor. 
Por tanto desejo sempre se entregava a esse prazer solitário...
Estava pensando nele, desejando-o ardentemente, perdida em suas fantasias quando seu celular tocou e era ele! Atendeu.
- "Minha delícia preciso de você, preciso estar dentro de você, quero fuder você intensamente! Estou indo à sua casa, me aguarde !"
E desligou, sem esperar por sua resposta. 
"Estou indo à sua casa..." - Repetiu ela já com o corpo gritando de tanto desejo, cada pedacinho seu o queria loucamente e ela foi se produzir para esperá-lo. Tomou um banho delicioso, passou um óleo no corpo deixando sua pele sedosa e perfumada e vestiu pouca roupa, não o esperaria nua (no fundo era isso que ela queria), mas dificultaria um pouco, pondo apenas uma camiseta e calcinha, assim estaria sensual e provocante.
Pouco tempo depois a campainha toca - é ele - ela abre a porta (de um jeito que ele só vê sua cabeça) e ele está ali lindo, sedutor, na boca um sorriso delicioso e um olhar carregado de desejo. Ele entra, ela fecha a porta e se encosta na parede, olhando-o apaixonada e desejosa. Ele a olha dos pés à cabeça, passando a língua nos lábios (ela percebe o volume na sua calça e o quer) - Como você é deliciosa! - E a toma em seus braços e se beijam loucamente e suas língua se devoram, suas bocas se sugam num desespero que parece que o mundo vai acabar e eles querem aproveitar cada segundo. 
Ela desabotoa sua calça e segura seu membro, deliciosamente, rígido (ele suspira). Depois a põe nos braços e a encosta na parede enquanto ela envolve a cintura dele com suas pernas enlaçando-o - 

Afaste a calcinha - Ele diz no seu ouvido enquanto dá lambidas na sua orelha. Ela puxa a calcinha para o lado e oferece-lhe sua flor, já umedecida de desejo e sem nenhuma cerimônia, sem nenhuma delicadeza ele a invade... ela geme, enquanto seus movimentos vão ficando frenéticos, alucinados  até que uma sensação louca e inexplicável vai tomando seus corpos e finalmente sentem o gozo explodir...
Depois da explosão do tesão que os tomou, foram ao banho, onde continuaram a se entregar àquela paixão ardente. Afinal a tarde estava apenas começando..."  
                                                                                                 Nádia Santos

18 comentários:

  1. Boa tarde meu querido PDR, adorei ler meu conto aqui, parece
    até que ele ganhou vida, acho que deve ser por essas imagens
    deliciosas. Fico feliz com seu carinho e espero que consiga
    agradar aos seus leitores.
    Muitos xerossss em ti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O conto ganhou vida porque é sensacional..... qualquer foto que eu pusesse iria compor a cena.
      Conto nota mil, de uma poeta e contista nota mil......

      Excluir
  2. Tesão de história.... minha bucetinha ficou molhadinha de tesão.... Se eu fosse ela, ao fim da tarde, pedia uma analzinho basico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leila, como disse no final do texto (que não era o final da história)
      a tarde estava apenas começando, deixei no ar que muito aconteceu
      depois (rsrsrsrsr). Bj e obrigada.

      Excluir
    2. Leila.... a resposta da autora é por si só, auto-suficiente.... Nada como uma resposta da própria autora!!!
      Nádia, obrigado pela gentileza em responder!!!!

      Excluir
  3. Tava sentindo falta dos bons e velhos contos eróticos, prof. PDR! E que volta triunfal!
    Vou lá visitar o outro blog depois! Pelo visto a autora escreve muito bem, tem imaginação erótica fértil!
    Eu me imaginei como sendo o cara na história, desejando, comendo, amando e gozando com sua adorada!

    Vinícius Podólatra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Vinícius e obrigada pelo comentário. Eu sou assim também
      quando leio um texto, aos poucos vou me pondo como personagem e
      assim faço quando escrevo... me ponho na cena, literalmente. Será um
      prazer sua visita no meu blog, um abraço.

      Excluir
    2. Meu caro Vinícius! Você sempre gentil, com ótimos comentários.
      O conto é sensacional... e EU também queria ser o personagem da história... hehehehehehe... E como queria!!!! Um conto erótico é ótimo para aguçar nossa tarde de domingo!!!
      E a autora, sem pre doce e gentil, vem nos colocar sua visão da história!
      Obrigado Nádia!!

      Excluir
  4. Conto delicioso. De molhar a calcinha.....as fotos estão ótimas.
    Levar um pauzão assim como na terceira foto é "tudibão"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cléo, obrigada por comentar e que bom que gostou.
      Concordo contigo, quando encontramos um homem
      que nos sirva bem é delicioso, mas não necessariamente
      pelo tamanho do membro, mas sim pela qualidade do sexo
      que ele nos oferece. Mas essa é minha opinião. Um bj
      .

      Excluir
    2. Cléo.... obrigado pelas constantes visitas.
      A Nádia nos dá um lindo e tesudo texto....

      Excluir
  5. Parabéns à Nádia! O texto consegue mesmo envolver-nos na historia!

    Beiju

    Dri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dri, obrigada pelo comentário incentivador. Bjus pra ti

      Excluir
    2. Hummm duas visitas importantes!!!!
      Beijos em ambas!!!

      Excluir
  6. Um excelente texto,que deixa a imaginação e o corpo em grande euforia,PARABENS Nádia

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gandalf....
      Tua visita ao blog é sempre motivo de honra. A Nádia deve ficar orgulhosa pelos elogios!!!

      Excluir
    2. Com certeza PDR. Obrigada Gandalf pelo comentário tão incentivador e agradável. Bjinho

      Excluir
    3. Nada a agradecer amigos(PDR e Nádia),o prazer,o gosto e o privilégio são meus por poder ler algo tão bem escrito e identificável com o que(também tento) escrever :)

      Excluir

Delito maior é não comentar aqui!!