AVISO AOS VISITANTES!

Bem vinda(o) aos PEQUENOS DELITOS RENOVADOS.
É um blog que mistura poesia e sacanagem (não nessa ordem). Suas contribuições (fotos, poemas, idéias) serão importantes para o blog. Sinta-se dono e ator principal desse blog.
A mais importante participação é sua visita. E claro, seus comentários...
Contate-me.... aguardo você no e-mail do blog: delitosdosexo@gmail.com

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

VIVER É NAO SABER QUE SE VIVE....

SÃO 22 HORAS AQUI NO BRASIL! ESPEREI DELIBERADAMENTE PARA POSTAR:
Hoje, o mundo da poesia alegra-se e se entristece... Parece paradoxal, não é mesmo?
Pois é assim mesmo a essência da poesia de Florbela Espanca.  Um poeta especial, que engrandece o povo português...que engrandece a arte de tecer em palavras a essência do amor. Do mundo feminino.
Uma doçura de mulher, pela qual eu teria facilmente me apaixonado perdidamente. Ela foi tão especial, que nasceu e morreu no mesmo dia, hoje um 08 de dezembro. Dai carregar "Conceição" no nome.  Não vi nenhuma homenagem nos blogs portugueses que visito. Tampouco nos vários blogs de poemas, também não vi.  Faço-a eu, um poeta simples e humilde, que não tem outra alternativa que não tecer uma homenagem admirada por essa mulher, a quem as mulheres portuguesas (lindas e deliciosas!!!) devem muito.
A sua vida, de apenas trinta e seis anos, foi plena, embora tumultuosa, inquieta e cheia de sofrimentos íntimos que a autora soube transformar  em poesia da mais alta qualidade, carregada de erotização e  feminilidade. Não posto poemas dela aqui.  Posto um excerto de seu diário:
" Viver é não Saber que se Vive:
Ponho-me, às vezes, a olhar para o espelho e a examinar-me, feição por feição: os olhos, a boca, o modelado da fronte, a curva das pálpebras, a linha da face... E esta amálgama grosseira e feia, grotesca e miserável, saberia fazer versos? Ah, não! Existe outra coisa... mas o quê? Afinal, para que pensar? Viver é não saber que se vive. Procurar o sentido da vida, sem mesmo saber se algum sentido tem, é tarefa de poetas e de neurasténicos. Só uma visão de conjunto pode aproximar-se da verdade. Examinar em detalhe é criar novos detalhes. Por debaixo da cor está o desenho firme e só se encontra o que se não procura. Porque me não esqueço eu de viver... para viver?"

Flor Bela Lobo autonomeada Florbela d'Alma da Conceição Espanca  (Vila Viçosa, 8 de Dezembro de 1894 — Matosinhos, 8 de Dezembro de 1930).  
A glória de um povo na alma de uma mulher...

46 comentários:

  1. Adoro a Florbela e sei que nasceu e morreu no mesmo dia ...:( Mas não me lembrei disso, hoje, e também não vi ninguém que se tivesse recordado...
    Linda homenagem!

    ResponderExcluir
  2. Não podia deixar de passar este artigo em branco.
    Muitos parabéns pela brilhante ideia em homenagear uma enorme Poesia Portuguesa.
    Hoje, sinto-me um pouco como ela, a (Florbela Espanca)...
    Não será vergonha dizer que nem sabia que tinha nasci~do e morrido no mesmo dia. Coincidências que não acontecem por acaso.... E nas noticias nem foi comentado!

    Muito obrigada. e PARABÉNS pela sua sensibilidade.

    Beijinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei você vir aqui a essa hora em Portugal....!!!!!!!!!

      Excluir
  3. Cacetadas, é muito azar morrer no dia do próprio aniversário!!!!
    Mas como dizem na França, "c'est la vie" (assim é a vida)...

    Homenagem mais do que justa, gostosa e merecida para uma poetisa inteligente e dinâmica, embora ainda não tão conhecida aqui por estas terras brasilis... mas vamos pensar positivo e acreditar que um dia suas obras terão o reconhecimento que merecem!

    E já que estamos falando do viés europeu sobre o erotismo, eu curto muito alguns desenhistas eróticos europeus contemporâneos! Gosto especialmente dos traços italianos de Franco Saudelli e Giovanna Casotto, você os conhece?

    E a xoxotinha peludinha do Delito Diário de hoje é um poço de tesão! Pra mim mulher tem de ter o matinho embaixo, para me dar aquela sensação de que é uma bucetinha de verdade! Nada contra as depiladas, mas é puro gosto pessoal!

    Vinícius Podólatra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu comentarista emérito.... bom dia!!!
      Por outro lado, morrer no dia do aniversário é um fato raro, o que pressupõe uma morte diferenciada. Nascer e morrer n mesmo dia..... notável não?
      Vou procurar pelo Franco e pela Giovanna.... e se for bom (claro que é, pois a indicação é tua.... hehehehhe) vamos postar algo.
      Quanto à xoxotinha peludinha..... estamos INTEGRALMENTE de acordo.... Nada contra as depiladinhas, mas a penugem é algo que me deixa "maluco-da-cabeça".....

      Excluir
  4. Sou portuguesa e adorei este post, é bem merecida a homenagem a Florbela Espanca e realmente não se ouviu falar sobre esta data, nem em noticiários, nem em blogues :(

    Como curiosidade, vim parar a este blogue, numa pesquisa sobre Olavo Bilac e fui direcionada para um poema num post. Em portugal, temos um cantor com o mesmo nome, não sei se conhece, canta na banda, Santos e Pecadores, deixo aqui o link de uma música dele :

    https://www.youtube.com/watch?v=3q44a49vxTs

    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônima..... obrigado pela visita, o que me honra muito. Nem precisa dizer que adoro tua terra.... Agora que você aprendeu o caminho, volte sempre, comente e quem sabe.... fique freguesa da casa....!!!!!
      Quanto ao Olavo Bilac, conheço sim a Banda.... ótima por sinal e agradeço tua dica. A meus leitores (as) eu indico uma visita ao youtube para ouví-los.
      E o tema da homenagem, fico triste quando nós (brasileiros e portugueses) não fazemos nosso dever de casa que é cultivar a cultura.
      Parece pleonasmo ou redundância, a expressão "cultivar"..... a palavra cultura pressupõe cultivar nossos valores históricos, étnicos, musicais nossas manifestações artísticas.....
      Enfim.... agradeço você ter gostado do post.
      VOLTE SEMPRE!!!!

      Excluir
    2. E este cantor ( Luis Represas ) que canta Florbela Espanca, Conhece ? ;) Eu adoro esta música

      https://www.youtube.com/watch?v=VJaNP_jzHRk

      Beijinhos

      Excluir
    3. Não. Não CONHECIA.... Agora conheço. Bela voz, bela interpretação instrumental. Estou aprendendo a conhecer mais a música portuguesa. Delícia.... um sentimento de alma. Você tem blog? Legal tua segunda visita. Fiquei muito envaidecido por vir aqui de novo...
      Volte sempre!!

      Excluir
    4. Fico contente por ter gostado :) Esse cantor tem músicas lindas, se tiver a possibilidade de pesquisar no you tube, pode ouvir mais outras lindas. Não tenho blog.

      Beijinho

      Excluir
    5. Cláudia... ontem ouvi várias músicas dele (quero dizer, interpretações dele!!!).
      Adorei.... uma voz forte e cheia de alma.... Tenho ouvido muita coisa linda no blog do AGomes.
      Vale a pena você visitar... blog muito bonito com ótimas fotos e que ele contextualiza as fotos...imperdível:
      http://momentosagomes-ag.blogspot.com.br/2014/12/todo-o-tempo.html

      Excluir
  5. Bonita homenagem a uma GRANDE poetisa Portuguesa
    Pois por cá nada se ouviu... o que é pena
    Aqui passam a vida a falar nos corruptos que sacanaram o país.

    Gostei de ler

    Sussurros meigos

    Visite
    http://anginhasexy.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sussurros meigos nos teus doces ouvidinhos minha lindinha....
      Por aqui também.... só se fala em roubos, corrupção, ladroeiras....
      Só se fala.... prender político corrupto nenhum até agora....
      Eles roubam e nós, o povo brasileiro, toma no cu (perdoe-me a franqueza....) !!!

      Excluir
    2. PDR
      Lendo o teu comentário, quero corrigi-lo.
      Nem sempre o povo brasileiro toma no cu. Não Senhor. Nem sempre.
      Às vezes, os políticos roubam e o povo não toma no cu. Toma na bunda.

      Excluir
    3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Rindo muito aqui..... Isso lá é nome de comentarista? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Boneco Doce!!!!
      Pois bem Senhor Boneco Doce.... já o Sr. tem razão. Quando o povo brasileiro não toma no cu, toma na bunda.
      É uma boa mudança....
      Boneco Doce..... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk !!!
      Me perdoe Boneco Doce.... o Sr. é de onde?

      Excluir
  6. Na verdade, eu sou de Mogi das Cruzes em São Paulo. Moro aqui no Japão, desde 2011, terra dos meus avós. Sou um dekassegui. Meu apelido de Boneco Doce é porque trabalho numa fábrica de alimentos, onde produzo um doce em forma de boneco. Por isso o nome. Conheci teu blog por acaso e venho sempre Hoje me deu vontade de comentar. Pois acho legal a vida da Florbela. Eu estudei Literatura na USP depois parei, quando vi que no Brasil não dá para viver.
    Com esse governo não dá.... conheço bem o PT.... sei bem da história dessa tchurma..... Estou bem aqui. Volto mais não.... Cansei de só tomar na bunda...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois volte....agora a pedida política aqui no Brasil é a seguinte: Eles roubam e nós pagamos as contas da Nação...
      Conseguiram até quebrar a PETROBRÁS....
      A receita é simples: Aumenta-se o preço da gasolina, aumentam-se os impostos e o povo..... bem o resto você já sabe!!!

      Excluir
  7. Passou-me ao lado, o tiro passou-me ao lado!

    Por falar em poesia
    Pequeno Delito Renovado
    Não vou perder o meu dia
    sem te deixar um recado.

    Flor é bela e encanta
    tem odor no seu guiar
    suas palavras espancam
    palavras pra conjugar.

    Neste momento agradeço
    por este dia lembrares
    se há coisas que eu mereço
    são teus delitos cantares.

    Nesse cantar nos amamos
    como dois grandes amigos
    assim palavras trocamos
    como quem encosta umbigos.

    Um grande abraço te envio
    deste Portugal afastado
    meu amigo aqui está frio
    e tu todo acalorado...

    Do Brasil agora espero
    um poema de encantar
    Se não vier desespero
    e deixo de comentar!

    Abração PDR

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu nobre amigo português
      Agora é a minha vez.
      És amigo, amigo distante
      Mas és amigo o bastante.

      Florbela não só encanta
      Ela escreve e canta
      Palavras de amor e erotismo
      Tesão, glória e romantismo.

      Quanto ao meu blog humilde
      Venha aqui mais amiúde
      Pois tuas palavras e presença
      Enchem de amizade e bemquerença.

      Um grande abraço meu amigo. Ganhei aqui outra garrafa de "Porca de Murça". Vou beber essa preciosidade no sábado, acompanhado de uma perninha de leitão.... coisa simples, mas deliciosa. Convido o amigo a pegar um barquinho, atravessar essa braça de mar que nos separa e cearmos juntos.... vamos falar mal dos ladrões que roubam nossas pátrias...
      Pergunto: Ai tem político ladrão como aqui no Brasil????

      Excluir
    2. Faz de conta que te estou a acompanhar no próximo sábado.
      Aqui não há ladrão, há apenas desvios, sabes que ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão!

      Excluir
  8. Pois mas para os mais "distraídos"na RTP 1 o canal Português público passou o filme "Florbela"ontem à noite dia do aniversário e da sua morte,como tal não passou despercebido como aqui foi referido.
    Nos blogues é possível eu próprio não fiz nenhuma referência mas também o meu blogue não é de poesia....pelo menos no sentido próprio da palavra loooool
    Uma homenagem sempre merecida e que se deve recordar,obrigado amigo

    Um abraco PDR

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo.... pena que a RTP 1 passa num canal a cabo aqui no Brasil, mas essa operadora a cabo não oferece serviços aqui nos rincões mais distantes do Brasil.... Gostaria de ver o filme FLORBELA..., vou ver se acho.
      Quanto a teu blog, toca a deixar de ser humilde... teu blog é recheado de poemas lindos....
      Teus textos são muito poéticos e as imagens... essas me deixam "gira"!!!!

      Excluir
  9. O que dizer dessa poetisa incomparável, além de admira-la?
    Calo-me. Reservo-me apenas a venera-lá.

    яυgı∂σs ρσétι¢σѕ ∂α ℓєσα...
    =';'=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Doçura Sensual.....
      Você é tão poetisa quanto ela.... cheia de charme, sensualidade e tesão...
      Já fiz diversas homenagens a você....!!!!
      Pena que nem conversamos mais..

      Excluir
  10. Pensava que tinha nascido no dia 8 de Março, mas depois lembrei-me que fixei essa data por ter sido num dia 8 de Março que alguém especial me ofereceu um livro com poemas dela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Redonda..... doçura você vir aqui...
      Mas 8 de março é também uma data especial.. o Dia Internacional das Mulheres..... mas para mim.... todo dia é dia da mulher!!!!
      Beijos!!!

      Excluir
  11. E afinal talvez me tenha precipitado e aqui encontre textos sobre livros :) e poesia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza aqui você encontrará, no mínimo, um carinho desse blogueiro simples!!!!
      Volte sempre!!!!!!!

      Excluir
  12. Logo eu que sou fã da Florbela, que me apaixonei
    por sonetos e amo escrevê-los, depois que li os dela
    esqueci de homenagea-la no meu blog.... imperdoavél.
    Fantástica a poetisa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada de imperdoável..... a homenagem é feita por nós dois.
      Sinta-se dona da homenagem doçura de poeta!!!!
      Beijos doces nessa boca linda tua!

      Excluir
  13. Olá, doce poeta!

    Hoje por um milagre perdi o sono(pois é raro rs) e aqui estou eu a essas horas, a ler de você, o que perdi.

    Com todo respeito pela grande poetisa, é incrível essa coincidência de nascimento e morte no mesmo dia.
    Sabe, dia 8/12 é uma data mais que especial pra mim, pois é quando a minha doce mãe que (também) se chama Conceição, faz aniversário. E como é sempre comemorado pela filharada, eu mesmo distante, acabo ficando em torno dela por meio de conexão e de nada mais, me lembro. Lamentável esquecermos, mas ainda bem que você se lembrou e fez uma linda e merecida homenagem a Flor portuguesa mais bela e a mais sentimental e talentosa.
    Foi tao jovem, mas nos deixou a sua obra mais rica que foi publicada um mês depois de sua morte: a coletânea Charneca em Flor
    "Definitivamente, Florbela contribui em Charneca em Flor para a emancipação literária da mulher e ousa levar ainda mais longe o erotismo no feminino, como o mostra «Volúpia» " (http://pt.wikipedia.org/wiki/Charneca_em_Flor)
    Entretanto, o soneto dela que eu adoro e que mais me identifico, é este:

    "Eu queria mais altas as estrelas,
    Mais largo o espaço, o sol mais criador,
    Mais refulgente a lua, o mar maior,
    Mais cavadas as ondas e mais belas;

    Mais amplas, mais rasgadas as janelas
    Das almas, mais rosais a abrir em flor,
    Mais montanhas, mais asas de condor,
    Mais sangue sobre a cruz das caravelas!

    E abrir os braços e viver a vida,
    - Quanto mais funda e lúgubre a descida
    Mais alta é a ladeira que não cansa!

    E, acabada a tarefa... em paz, contente,
    Um dia adormecer, serenamente,
    Como dorme no berço uma criança!"

    ( Florbela Espanca-Charneca em flor)

    Ah! Não é lindo!?

    PS: Meu querido, eu sei que ando distante demais, pois este final de ano está corrido que só...
    Mas gosto tanto de você! Sabe disso não sabe?

    Beijos meus com carinho e muito obrigada pela doce presença!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha querida e doce-amiga-poeta-blogueira....
      Sei de todos os teus afazeres..... e te desejo o que há de melhor no mundo.
      Tua doce presença é meu presente.
      Obrigado pelos comentários e pelo poema deixado...
      Sinta-se também, autora da homenagem!!!!!]
      Beijos. Força. Fé. Esperança. Amor!

      Excluir
  14. Florbela é uma das minhas poetisas preferidas, mas sinceramente não me lembrei dessa data tão importante...
    Alguém escreveu sobre ela "Não se perdeu só um poeta, perdeu-se também a capacidade de entender as mulheres."

    “O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais, há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesmo compreendo, pois estou longe de ser uma pessimista; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que se não sente bem onde está, que tem saudades... sei lá de quê!”
    ―Florbela Espanca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lírio.... teu comentário é simplesmente "florbeliano" (inventei um nome para uma escola poética!!!)...
      Esse poema é bem você..... uma alma inquieta e inquietante!!!
      Delícia te ler aqui!!!

      Excluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Florbela é maravilhosamente Única.
    Sou extremamente fã da arte que essa mulher deixou em seu nome, pois ler Florbela para mim é algo completamente vívido, ardente.

    Apaixonei-me por ela aqui:

    "O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais, há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesmo compreendo, pois estou longe de ser uma pessimista; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que se não sente bem onde está, que tem saudades... sei lá de quê!"
    (Florbela Espanca)

    E então esse nome marcou a minha vida, a minha história, com tantos escritos que falam tão intimamente à minha alma.

    Beijo.

    P.s: As Brasileiras também são lindas e maravilhosas. *rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sattine... por coincidência, teu poema é o mesmo da Lírio Selvagem..... que coisa não??
      As brasileiras são lindas, maravilhosas, gostosas, carinhosas, são especiais.
      Mas eu só gosto de 2 tipos de mulher: As brasileiras e as estrangeiras....kkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Bisous!!!

      Excluir
    2. Sim, igual... mas foi o primeiro poema dela que fez com que eu me apaixonasse pela obra dessa grande artista.

      Muito engraçadinho esse teu gosto pelas mulheres. *rysos!

      Quanto ao beijinho, só se for no cantinho da boca, é melhor. *rs

      Excluir
    3. Sim claro. Sattine.. bem no cantinho da boca...em tempo... não entendi:
      "Muito engraçadinho esse teu gosto pelas mulheres. *rysos!".. será que meu gosto é ruimmm???
      Um mineirinho da roça.... bem da roça...bobinho bobinho..... será que o gosto dele é ruim???
      Bisous a toi!

      Excluir
    4. Claro que não, né!?
      Eu estava apenas (ironicamente) lhe chamando de safado! *rysos!
      Bobinho, bobinho... safadinho, safadenho! *rs

      Beijocas.

      Excluir
    5. Mademoiselle Sattine Rouge....
      Je vous laisse um petit poème.... "Si tu savais!"

      Si tu savais
      Comme j'ai envie d'être avec toi
      Et avec toi et avec toi,
      Sans jamais me lasser,
      Même si la vie est lasse parfois.

      Si tu savais
      Le bien que tu me fais
      Tu ne me quitterais jamais,
      Je serais, moi, l'ange de ton coeur,
      Je serais, moi, la couronne de ton amour,
      Juste pour te rendre heureux.
      (Letícia Thompson)

      Bisous....

      Excluir
  17. Respostas
    1. É.... ainda mais ao sabor do chocolate...!!!! Adoro......

      Excluir

Delito maior é não comentar aqui!!